Economia

Economia

 

A atividade agrária é mais significativa no concelho de Tomiño com o cultivo da uva, quivi ou da planta ornamental que representam um volume importante em geração de valor. A atividade industrial tem mais impacto em Vila Nova de Cerveira pela existência de parques empresariais ocupados, em grande parte, com indústrias vinculadas à área viguesa.

As possibilidades de desenvolvimento de ambas atividades não estão esgotadas e supõem a base da economia de ambos concelhos, pelo que a sua promoção e extensão são imprescindíveis para o emprego e o desenvolvimento da Eurocidade.

Complementariamente à atividade da industria e da agricultura, há uma boa possibilidade de desenvolver um sector terciário em torno ao turismo, restauração, gastronomia, valores paisagísticos e culturais vinculados ao rio Minho.

O desenvolvimento económico deve basar-se na complementaridade de recursos. Mais na cooperação e procura de sinergias do que na concorrência.


PROMOÇÃO DE RECURSOS E ACTIVOS TURÍSTICOS



PROGRAMAÇÃO TRANSFRONTEIRIÇA DENTRO DA 16ª MOSTRA DE CULTIVOS DO BAIXO MIÑO




XORNADAS


O turismo no contexto transfronteiriço Cerveira-Tomiño. Experiências, desafios e oportunidades